Foca Mais 2010 – A forma e a função

O ano de 2010 promete muitas novidades e debates para o jornalismo, seja em sua forma ou em sua função.

O futuro do jornalismo será digital? Steve Jobs apareceu com seu iPad como um novo Moisés carregando a tábua da salvação. O “iPodão” não faz ligações como o iPhone nem tem conexão USB para a instalação de drivers como um notebook. O iPad não quer ser nem celular nem PC mas um novo produto que procura seu nicho no mercado, ou seja, um e-Book que também reproduz filmes, músicas e manda e-mails. O diferencial, para os jornalistas, está na possibilidade de acessar sua publicação no iPad. O New York Times já tem seu aplicativo, assim como a editora Conde Nast, que publica a revista Wired.

Mas o iPad seria apenas mais um acessório digital para receber notícias? Sim, mas por se tratar de um dispositivo móvel ele pode trazer a comodidade de um dispositivo portátil com a atualização constante de um portal de internet. Ou seja, antes, o jornal impresso perdia os furos para a internet pois publicava no dia seguinte tudo o que um site já noticiou. No caso do iPad estamos diante de uma publicação híbrida, que terá a atualização constante do jornal com a mobilidade e o conforto de um e-book. Já era possível receber notícias por celular mas este era um dispositivo muito pequeno para ler textos extensos e interagir com infográficos e imagens.  Interação também é o grande diferencial: se for possível ler reportagens com podcasts, newsgaming (notícia em forma de jogo) e espaço para feedback então o e-Book será realmente uma grande ferramenta para o Jornalismo 2.0.

Já na questão da função social haverá muitos debates sobre a relação das empresas jornalísticas com a sociedade, o governo e as empresas privadas. A primeira Conferência Nacional de Comunicação (Confecom), o Programa Nacional de Direitos Humanos proposto pelo Ministro Paulo Vannuchi e a futura Conferência Nacional de Cultura questionaram a situação atual da mídia. Há uma busca por parte do governo e sociedades organizadas por uma fiscalização mais forte da imprensa. Para jornais como o Estadão, que luta judicialmente pela proibição de publicar notícias sobre a Operação Faktor, estas propostas constituem um risco para a mídia, uma forma de controle social que pode censurar notícias que não agradem o governo. Controle social que pode ser verificado na América Latina, como aponta o jornal  no caso do controle que o casal Kirchner quer exercer sobre El Clarín ou o fechamento de rádios por decisão de Hugo Chavez. Por outro lado há a questão do monopólio dos meios de comunicação pelos políticos e “coronéis”, principalmente nos rincões do país. Como dar voz aos excluídos se eles não contam com meios de comunicação? É possível democratizar a imprensa sem a interferência e a coerção de um controle estatal?

Seja na forma ou na função o futuro do jornalismo será questionado por todos, não apenas por quem está na profissão. Nada mais salutar para uma atividade que está em um momento de indefinição.

Uma resposta para Foca Mais 2010 – A forma e a função

  1. É simplesmente absurdo e arbritário pensar em fiscalizar a Imprensa como um todo! Afinal de contas o que se busca neste caso pelo governo e pelas sociedades organizadas, é justamente protejer interesses próprios e individuais. Vale ressaltar que estes interesses individuais são praticados em detrimento ao interesse geral da população como um todo!
    O Jornalismo 2.0 já é uma realidade, sorte nossa não?!
    Por isso creio que nossa luta para o fim da CENSURA no Brasil terá um resultado efetivamente positivo para nossa nação!
    Parabéns pelo artigo Jean!
    Grande abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: